Tudo Como Aconteceu by Cibele Camargo

Pelo mal que me fez feliz
e por saber de seus pensamentos
que preenchem páginas, muros e manifestos
os seres vivos e fantasias que lhe deram um nome
o costume de ser apenas a você, os merecimentos
por nunca terem sido verdadeiros
longe do que não pode ser por estarmos sempre juntos
longe do talento de criar alguém, por nunca ter existido.
o que se vê em um novo horizonte,
está ausente de velhos sentimentos
perto do que de melhor fizemos, perto de tocar você
e se conseguisse, diria que não foi amor...
somos apenas poesia
é isso...
até você ficar em páginas, muros e manifestos.


- Cibele Camargo -
in l"A Vida Além da Sua"


Um comentário:

  1. Lindo esse trecho! Adorei seu blogue. Tem bastante conteúdo. Te sigo! beijo

    ResponderExcluir